Justiça condena vereador de Salesópolis à perda de mandato

????????????????????????????????????

Acusado de assédio moral pelo MP, Serginho Daurora ainda terá que pagar R$ 10 mil em indenização. Foto: Lailson Nascimento

 

Por Renan Xavier

 

A Justiça acatou denúncia do MP (Ministério Público) e condenou o vereador de Salesópolis Sérgio dos Santos, o Serginho D’Aurora (PR), e o ex-secretário Sérgio Kusakabe por improbidade administrativa. A sentença decreta a suspensão dos direitos políticos dos condenados, além da perda de mandato do vereador. Também foi determinado o pagamento de indenização de R$ 10 mil à vítima por assédio moral. Cabe recurso.

“A condenação foi julgada à revelia, por isso estou recorrendo”, disse o vereador Serginho D’Aurora à reportagem durante sessão solene realizada na última segunda-feira (16).

Além da condenação por assédio moral, o vereador Serginho D’Aurora ainda figura em outra denúncia do MP, dessa vez, por uma dispensa de licitação para a contratação da empresa terceirizada Castro Pontes Serviços durante a última gestão, quando era presidente da Câmara. O serviço contratado em caráter emergencial, por 180 dias, custou R$ 41,4 mil aos cofres municipais.

A Comissão de Ética da Casa de Leis foi notificada e cobrou explicações do parlamentar. Segundo o vereador membro da comissão, Claudinei José de Oliveira, o Nei, o vereador Serginho já encaminhou sua defesa, a qual será analisada pelo grupo. “Pode a comissão entender que não é motivo de quebra de ética e decoro e arquivar a denúncia ou pedir a instauração da CEI (Comissão Especial de Investigação), que pode culminar na cassação do parlamentar”, explicou Nei.

 




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *