Polícia tenta identificar suspeito de riscar carros no entorno da Etec de Guararema

11e095c0-28a7-4b50-97cb-68e232ca205d

Ação foi registrada pela central de monitoramento do município e as imagens devem auxiliar na apuração. Ao menos três registraram B.O

 

Por Renan Xavier

 

Ao menos dez motoristas que estacionaram no entorno da Escola Profissionalizante Prefeito Sebastião Alvino de Souza (Etec), no bairro Nogueira, em Guararema, tiveram uma surpresa desagradável no último dia 22: um desconhecido riscou propositalmente seus carros. Após o incidente, três registraram queixa.

A ação criminosa foi registrada pelas câmeras de monitoramento do CSI (Centro de Segurança Integrada) do município, segundo confirmou a prefeitura.

O investigador da Polícia Civil, André Hernandes, disse à reportagem que solicitará as imagens para identificar o autor e dar prosseguimento à apuração.

Enquanto aguarda um desfecho para o caso, sobra frustração para o assistente administrativo Antônio Paulo Marques, 33, que estuda na Etec e foi uma das vítimas. Ele só notou as avarias no veículo na manhã seguinte ao ocorrido e estranhou quando colegas de classe relataram o mesmo problema.

“Estou indignado e quero que o responsável seja identificado. Não é justo que eu fique com o prejuízo”, diz Marques, que já recebeu de uma funilaria o orçamento para reparo: R$ 400.

Já o Voyage prata do estudante Carlos Alberto Santos, 25, foi riscado desde o pára-choque até a metade da porta dianteira. Inconformado, ele registrou boletim de ocorrência na última segunda-feira (22). O estudante diz que decidiu prestar queixa após um dos operadores do CSI confirmar que as câmeras registraram a ocorrência.

Em nota, a Prefeitura de Guararema disse que as imagens da ação registradas pela CSI estão à disposição da polícia.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *