Vereador mogiano defende feiras noturnas nos bairros

Mauro Araújo presidirá CEV. Foto: Marcelo Alvarenga/Divulgação CCMC

Além de movimentar a economia, vereador enxerga potencial turístico em iniciativas como essa. FOTO: Divulgação

 

Por Lailson Nascimento

 

O vereador mogiano Mauro Araújo (PMDB) está liderando uma campanha que visa criar o “Circuito de Feiras Noturnas” na cidade. Depois de ser procurado por empreendedores que têm a intenção de montar feiras no período noturno nos Distritos de Brás Cubas e Jundiapeba, o peemedebista resolveu levar a ideia para o Plenário da Câmara Municipal na sessão de quarta-feira (1). Mais cedo, o parlamentar recebeu a reportagem e detalhou o projeto.

Atualmente, Mogi abriga duas feiras noturnas. Ambas se tornaram atração cultural e de entretenimento na cidade por conta das outras atividades envolvidas – principalmente gastronômicas. Às quintas-feiras é realizada na Secretaria Municipal de Agricultura, no Centro da cidade. Às sextas-feiras, cerca de 5 mil pessoas [segundo o vereador] fazem questão de passar pelo popular Varejão para se deliciar com pratos da diversificada culinária mogiana enquanto compram frutas e legumes frescos.

Devido ao sucesso das duas feiras noturnas, Mauro Araújo entende que chegou o momento da cidade expandir esse tipo de negócio para os bairros. Segundo ele, além de reforçar a característica de tradição da cidade, as feiras também movimentam a economia local, gerando emprego e renda.

“A fila de espera por uma vaga na Cobal [Varejão] é enorme, pois todo mundo sabe que as feiras noturnas são um sucesso. Por esse motivo, fui procurado para intermediar o contato entre os empreendedores e o prefeito Marcus Melo [PSDB] no sentido de garantir o apoio da administração municipal”, explicou o vereador.

Inicialmente, a ideia é levar as feiras para Brás Cubas e Jundiapeba, bairros onde Mauro Araújo organizou um abaixo-assinado com os demais interessados no projeto e já colhe a opinião dos moradores sobre a possível implantação do empreendimento. Por entender que não haverá resistência por parte da administração municipal, o parlamentar já sonha na expansão das feiras para toda a cidade, criando o “Circuito de Feiras Noturnas”.

“Caberá à prefeitura garantir a segurança e a organização dessas feiras. A ideia é fazer um cadastro de quem vai poder instalar barracas nesses locais, além de garantir uma infraestrutura mínima. Em Brás Cubas, por exemplo, o Largo da Feira só é utilizado uma vez por semana. Portanto, as feiras noturnas têm que ser levadas para os bairros, pois é uma experiência que já deu certo na cidade”, concluiu Mauro Araújo.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *